segunda-feira, 16 de julho de 2012

#46 Resenha - Dizem por ai... (Jill Mansell)

Dizem por aí
SORTEIO "DIZEM POR AI... + VIVA PARA CONTAR" (CLIQUE AQUI)
PROMOÇÃO TOP COMENTARISTA (CLIQUE AQUI)
PATROCÍNIO "LOJA TOTAL NUTRI" (CLIQUE AQUI)

O namorado de Tilly Cole acaba de se mudar do flat deles com metade de suas coisas. Sem nada para prendê-la, Tilly decide rapidamente morar mais perto de sua melhor amiga, Erin, em um vilarejo minúsculo em Cotswolds. Lá, Tilly é contratada no mesmo momento como faz-tudo em uma empresa de design de interiores. Para sua surpresa, a cidade pequena transborda escândalo, sexo, fofoqueiros e boatos, focados basicamente em Jack Lucas, o homem lindo de muita classe e melhor amigo de seu chefe. Todos falam para Tilly ignorar o encanto por Jack, que ela será apenas outra em sua cama se ela se deixar levar; mas Tilly, que trabalha ao lado de Jack, enxerga uma parte carinhosa e cuidadosa dele que não é revelada à cidade. É impossível que ele seja a mesma pessoa de quem todos falam. Ou é possível? Tilly deve separar os fatos da ficção e seguir seu instinto neste divertido romance moderno.


Boa noite pessoal! Hoje apresentando a vocês mais um livro publicado pela querida editora Novo Conceito
Já tinha lido outro livro da Jill, e que por sinal é um dos meus favoritos. Gostei desse também. Não perdeu a característica da autora; que é bem contagiante pra curte comédia. Mesmo o livro sendo grosso, Mansell faz com que você aprecie e saboreie cada palavra, por que é uma leitura gostosa e muito divertida. E você acaba ficando curioso a cada novo capítulo. E por falar em capítulo, eles são curtos. Ponto para a Jill. 
E não posso deixar de comentar da capa. Muito linda mesmo, apesar de que eu prefiro de "Uma proposta irrecusável" mas essa também é muito bem feita. 


Agora uma coisa eu quero deixar bem clara. Apesar do meus elogios aos pontos altos do livro, eu me decepcionei na falta de ética da autora. Deem uma olhadinhas nessas duas citações:


"Quando ela cambaleou de volta para a sala de estar, ele bateu no sofá e perguntou:
- Quem era, alguma Testemunha de Jeová? Venha cá, senti saudades.

- Era Stella [...]" - cap. 13 pág. 102


"[...]Quem estiver com Jack na casa vai supor de que se trata apenas da brevíssima e indesejada visita de alguma Testemunha de Jeová." - cap. 19 pág. 151


Essas foram duas citações que falaram de modo sutil, mas com desprezo da minha religião e de meu povo. Se a autora não gosta das Testemunhas de Jeová, é um direito dela. Mas isso não significa que ela deva colocar de forma desrespeitosa assim no livro. Pessoas que compartilham o mesmo pensamento que ela não serão as únicas que leram ou lerão esse livro. Na primeira frase, ok, mas na segunda... dai foi um pouquinho de mais; "brevíssima e indesejada". Foi ofensivo sim. E outra. É um comentário desnecessário, não coloca-lo não afetaria de forma alguma no contexto. Por que não disse que era escoteiros vendendo docinhos, ou o carteiro ou quem sabe um vendedor de vassoura... sei la.. Mas não.. tem que falar mal.
Mas em fim, isso não tornou o livro totalmente ruim. Mas que fez eu perder um certo respeito pela autora, isso com certeza posso confirmar. 

Book Trailer



Subscribe to Our Blog Updates!




Share this article!

6 comentários:

  1. Concordo com você, sou católica, mas achei isso uma falta de respeito, sei lá, como tu disse não afetaria nada se não colocasse isso no livro né? Mas cada um cada um, até perdi a vontade de ler sabia? Eu estava louca para lê-lo. Enfim, respeito é bom e todo mundo gosta!
    Um beijo flor.
    Bianca
    http://naestantedabia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. caara cê mora aqi em SC, eu sou de Tubarão *-*

    ResponderExcluir
  3. Esse assunto de religião é complicado... É preciso respeitar mesmo.
    Fiquei com vontade de ler o livro! *-* Amo livros que me fazem rir.

    ResponderExcluir
  4. Olha, eu também não curti o fato das "Indiretas". Acho que a gente tem respeitar as religiões, pq é algo que não vai acrescentar pra história, bem como vc falou. Minha vontade de lê-lo, que já não era muita, ficou quase no zero agora.

    Gislaine Alves,
    jeito-inedito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Não foi muito legal, as ''indiretas'' as pessoas que seguem a religião, a maioria delas tanbém ler esses livros, aí fica complicado...mas ainda sim quero ler o livro, só leio boas resenhas sobre ele,e isso tem me deixado bastante curiosa !!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Return to top of page
Powered By Blogger | Design by Genesis Awesome | Blogger Template by Lord HTML